agosto 31, 2010

TROÇO DE ESTRADA ISNA - PROENÇA INAUGURADO OFICIALMENTE





O troço de estrada 351 entre Isna de Oleiros e Proença-A-Nova foi inaugurado oficialmente no dia28 de Agosto.



Ler mais

agosto 28, 2010

"COM DOIS TRAÇOS FIZ CRISTO"


Foi inaugurada, no dia 18 no posto de turismo da CMO, a exposição de José António de Figueiredo Costa e que estará patente ao público até 15 de Setembro. Estamos perante uma amostra de uma larga colecção colecção de 100 Cristos, impossível de a expor na totalidade e nem no Parque das Nações foi possível, segundo adiantou o artista.
Natural da Isna de Oleiros, a abertura desta exposição coincidiu com a festa desta freguesia. O artista afirmou ainda que tudo fez para que este acontecimento se realizasse mesmo na Isna mas não lhe foram garantidas as condições mínimas para que tal acontecesse. Por isso, disse, quis marcar presença em Oleiros. O tema é religioso e inesgotável. Já pintou obras encomendadas, nomeadamente uma Via Sacra para a igreja de Moscavide.
Estiveram presentes na abertura, O Vice Presidente da Câmara Municipal (O Presidente encontrava-se de férias) e o Vereador do Pelouro, Victor Antunes, bem como o sr. Cónego Martinho que ía adicionando algo mais ao que o artista dizia em cada quadro que era apresentado. Poucas presenças no público. Merecia mais!

FESTA DA ISNA JÁ COMEÇOU

Na Isna, decorreu este fim de semana, a habitual festa popular e religiosa, bem conhecida por ter excelentes condições de arraial, bom restaurante e com um calor maravilhoso.
No Sábado, a enchente verificou-se, e o baile encheu o local. Atrás do palco, no salão, as sardinhas, febras e frangos enchiam as mesas para muitos matarem a fome. Comer e broa de milho da Isna com sardinhas assadas é já uma tradição. 6ª feira foi bom e no Domingo, com o conjunto muito conhecido e reconhecido FH5, voltou o êxito e o diálogo de alegria. Nesta festa actuaram ainda o Rancho Folclórico e Etnográfico de Oleiros (que arrancou um êxito de sublinhar, terminando todos os elementos a dançar o fado com pessoas que assistiam). A Filarmónica fez a respectiva arruada, abrilhantou a procissão e actuou em arraial. Ao Domingo, um pequeno percalso no início do fogo de artifício, mas uma hora depois, o êxito foi garantido e, quanto a mim e alguns amigos, o melhor que já se fez e viu na Isna. Este trabalho esteve a cargo de dois técnicos que são da Isna e trabalham na pirotecnia. Por isso, mesmo para eles as palmas não foram regateadas.
 O pior nesta festa é sempre o problema dos telemóveis não terem rede e já era tempo desta Freguesia ser beneficiada por este melhoramento.

FESTA DOS CHAPÉUS DE PALHA

Hoje, dia 28/8 decorrerá, pelas 22 horas, uma festa aberta a todos devendo ter na cabeça um chapéu de palha. O evento decorre nas piscinas municipais e, pelo que ouvi no local, até vai ter júri e tudo (para o melhor chapéu). A iniciativa é levada a cabo por quem explora o Bar no interior das piscinas.

agosto 24, 2010

OLEIROS - MERCADO MUNICIPAL ÀS 3ªs FEIRAS

Nesta época do ano, as 3ªs feiras de cada semana é dia de muita confusão de trânsito na Vila. Esgotam-se os lugares de estacionamento e, como se encontram muitas pessoas aqui de férias, aumenta o fluxo de trânsito, mas todos se vão entendendo, cedendo aqui, recuado ali, encostando acolá. São dias de apertos de mão e abraços. São dias de compras e de alguma confusão que até se deseja. Oleiros não o mesmo nestes dias, como já o temos afirmado.

INTERNET GRÁTIS NA ZONA DA DEVESA DE OLEIROS

Por este dias vêem-se várias pessoas a gozar o fresco das sombras das árvores do jardim da Devesa e a utilizar o seu portátil, beneficiando do facto da Câmara Municipal ter possibilitado a entrada gratuitamente na rede wirless a quem o queira fazer dentro do raio de acção da mesma. Já vi várias pessoas a utilizar essa oportunidade, como aliás se passa em muitas outras vilas e cidades. São projectos a que as autarquias locais se puderam candidatar e que facilitam bastante as pessoas.

agosto 23, 2010

Oleiros - Quartos D´Áquem - festa em honra de S. Bartolomeu

O dia do santo é no 22, mas a festa realiza-se sempre no fim de semana mais próxima da data. Desta vez coincidiu e fomos à capela daquela povoação. Foi-nos ali dito que, o santo é de tal modo pesado que nunca faz parte da procissão. Saem outros santos, mas S. Bartolomeu não.  Trata-se de uma capela idêntica a muitas outras existentes nafreguesia de Oleiros e aqui deixamos as outras imagens que é possível transportar na procissão religiosa.

Miguel Agostinho e os seus espectáculos


O artista e professor de música, Miguel Agostinho, da Cardosa, Oleiros, quase todos os dias tem espectáculos em festas desta região. Do género, é mesmo o melhor que existe na forma como coloca uma alegria e empatia permanente durante os seus espectáculos, que as pessoas ouvem, dançam e apreciam. Trata-se de artista que conhece praticamente toda a gente e a sua facilidade em fazer amigos, acaba por levar às festas pessoas para o apreciarem e poderem desfrutar da música que toca e canta. Trata-se do compositor já de várias marchas para as popvoações ou Vilas e tem mesmo algumas gravadas em CD e DVD.
Desta vez estivemos na povoação dos "Quartos D'áquem, palco que ele bem conhece. E, para haver arraial não se precisa mais para uma noite de 24 graus e que apetecia estar e beber. Penso que me desculparão se colocar o Miguel à frente de outros, como Ruizinho de Penacova, que também passou por algumas festas deste concelho.

agosto 21, 2010

OLEIROS - Residencial e a ponte sobre a ribeira


Foto tirada ontem, dia 21, e que mostra o edifício da residencial já concluído, podendo verificar que existem obras de arranjos exteriores. Na foto pode ainda ver-se a chamada ponte grande, que permite a travessia da ribeira neste local.

OLEIROS - OPÇÕES PARA O DIA 21/8

Estamos em mais um fim de semana de festas diversas no Concelho. Hoje, pode-se optar por dar um salto até à Amieira e teremos, no arraial, o conjunto "2ª Geração". Ou então, vamos até aos QUARTOS e dançar ao som de Miguel Agostinho. Mas se quer ir até ao Orvalho, pode contar com o Grupo musical, HI-FI. Tanto quanto sabemos, esta festa esteve para não ser realizada, mas é bom vermos que  podemos continuar a contar com a festa no Orvalho. Maior, menor, o que interessa é o bairrismo das pessoas e a vontade de criar as tais oportunidades aos filhos da sua terra que se deslocam, no Verão, para conviverem e manterem as suas amizades.

agosto 20, 2010

BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE OLEIROS TIVERAM PERCALSO ATACANDO UM INCÊNDIO

Não se tratou de nenhum incidente neste incêndio junto ao Orvalho, mas num dos que deflagrou na freguesia do Estreito, uma viatura que se encontrava mesmo "na crista" do fogo, destravou-se e foi embater fortemente num muro de pedra. Felizmente não atingiu pessoas nem os bombeiros sofreram quaisquer danos pois não se encontrava nenhum dentro dessa viatura. Sabemos que a mesma foi resgatada sem ter ardido e está, agora, a ser reparada.

FESTA DA CERVEJA NA CASA DO BENFICA EM OLEIROS

Dia 20, A Direcção da Casa do Benfica de Oleiros leva a efeito "a festa da cerveja" esperando-se o êxito que as suas iniciativas têm tido. A entrada para este evento é de 2 euros (com direito a cerveja) ou, em opção, 10, com direito a caneca e cerveja à descrição. Participe, anime-se, mas beba sempre com moderação. E se depois for conduzir, então... sabe como é....

agosto 19, 2010

INCÊNDIO PERTO DE ORVALHO - OLEIROS

Deflagrou, hoje dia 19, pelas 18.00 horas um incêndio na zona do Orvalho, mas em terrenos ainda pertencentes ao concelho do Fundão.  Foi combatido, por terra através de várias corporações de bombeiros e pelo ar, com vários meios aéreos que, reabastecendo repetidamente nas águas do rio Zêzere, ali pertinho, permitiram um ataque que produziu os seus efeitos e debelaram-no em poucas horas. A resposta dos bombeiros também foi rápida e a toda a força, mas a mata densa e algum vento ajudou a que as proporções fossem grandes. Para o local passaram inclusivamente corporações de Santarém (Norte), Vila Nova da Barquinha, por exemplo, para executarem o rescaldo e vigilância. O fresco da noite que se faz sentir ajudará ao trabalho. Uma boa coordenação de meios, a eficácia e a sorte de haver muita água por perto.

A VIDA É FEITA DE AMIGOS



Na verdade, a vida fica sem sentido se não temos muitos e bons amigos. Por isso, esta família, de Francisco Martins, que aqui registo como "amiga de verdade" e que nos encontramos repetidamente porque, gostamos da nossa terra, temos uma excelente amizade recíproca e porque pode ser considerada representativa de oleirenses educados, cristãos, católicos e descendentes de grandes figuras da nossa terra (de quem, aqui ou no jornal de Oleiros, falaremos)

EMIGRANTES VOLTAM A VISITAR ESTAS TERRAS EM GRANDE NÚMERO


Neste Agosto, quer em Oleiros, quer em Castelo Branco, verifiquei que se encontravam muitos dos nossos emigrantes, especialmente os que falavam "francês". No Forum da capital de Distrito, sentiam-se, por todos os lados, estes portugueses, efectuando compras ou simplesmente almoçando. Tive oportunidade de falar com alguns, que me transmitiram que "voltam às zona de Castelo Branco, porque a cidade não é mais a mesma, muito bonita e desenvolvida, com todas as condições". Em Oleiros,  emigrantes e imigrantes transmitiram-me também a sua satisfação de poderem trazer os seus filhos  e netos à sua terra, porque hoje, Oleiros é "outra coisa". Falta só a estrada para a Sertã - diziam alguns. Mas qualquer dia começam já a ver as obras a avançarem. Voltem sempre e desfrutem destas nossas terras e deixem que os vossos descendentes gostem da nossa/vossa terra.

FESTA DE CAMBAS, MAIS UMA VEZ COM ÊXITO

No fim de semana passado (15 de Agosto), realizaram-se várias festas que concorrem natural  e saudavelmente entre si. Próximas e realizadas identicamentes, acabam por dividir quem gosta de estar e participar nas festas do concelho. Mas, tem mesmo que ser assim. Não há volta a dar.
Desta vez estivemos no Milrico, em Cambas e Sendinho da Senhora. Na primeira, assistimos à forma inédita de uma entrega de bandeira à Comissão para o próximo ano.


Em Cambas, já com uma temperatura mais amena nessa noite, assistimos ao concerto de conjunto e ainda do nosso conterrâneo, organista, bem conhecido, Rui Gaio.

Já em Sendinho, o ambiente era familiar e já passava das três da manhã. O conjunto cumpria o seu papel para animar um arraial que tinha já o tempo contado para terminar a noite. Alegria e boa disposição voltou a ser a marca desta festa, muito embora tenham acontecido recentemente alguns acontecimentos que não permitiam a alegria a todos. Exemplo: o falecimento da esposa do amigo José Mendes.




agosto 18, 2010

TROÇO DE ESTRADA 238 ENTRE OLEIROS E SERTÃ

DESTAQUE
O Tribunal de Contas já deu parecer positivo sobre a construção deste importante lanço de estrada, repetidamente anunciado. Esta obra pode, assim, ser construída no prazo estipulado e que determina que em 2012 seja concluída. O nosso sonho, enquanto Oleirenses, vai ser conseguido. Já todos desanimávamos com a falta de informações concretas, mas, finalmente, vamos poder passar a ter a ligação à Sertã em moldes técnicos que permitem uma condução mais segura, mais rápida e em estrada mais valorizada.
Terminará, assim, o nosso drama para chegar à Sertã a Oleiros (sentido inverso).

agosto 16, 2010

agosto 15, 2010

Lembram-se do Festival HARCVASO?

Há 15 dias decorreu, no Vale de Souto, mais um festival de hamónios e consertinas promovido pela dinâmica Associação HARCVASO. Decorreu muito bem, com a alegria habitual, comes ebebes suficientes e, acidentalmente visitámos o nosso amigo José Luís na Sertã e encontrei, em sua casa esta recordação. Não foi uma boa ideia dos organizadores? Foi sim!

ENCHEMOS O RESTAURANTE DIA 14


Três grupos alargados de pessoas almoçaram, por coincidência, no mesmo restaurante no passado dia 14. O Nuno e Inês Martins, festejam 70 e 30 anos (um século na soma) com os familiares os meus muito bons e respeitados amigos, presentes. Foi um momento de muita alegria porque muitas pessoas da minha família também almoçavam ali e todos se conhecem muito bem entre si. Foi um momento muito bonito e todos tivemos oportunidade de dar os parabéns aos meninos aniversariantes. Deixamos, aqui ao lado, alguns registos desses momentos.


Também por coincidência, estava presente mais um conjunto de pessoas do lugar da Figueira festejando também os anos do avô, sr José Cardoso Silva e do neto José Esteves. Tive oportunidade de falar com muitos destes elementos que me informaram que vieram por sugestão de amigo comum e aproveitando o novo troço da estrada que rasgou os montes a partir da Isna de Oleiros. A D. Fátima Ribeiro teve a amabilidade de dar todas as informações e colocar algumas questões. A curiosidade é que, todos, vivem na zona de Lisboa mas voltaram à sua terra Natal e optaram por Oleiros para festejar. Um abraço a todos e que novos aniversários venham com saúde a todos os aniversariantes dos dois grupos.

agosto 13, 2010

FESTA NA PAMPILHOSA, MAS HÁ MAIS SETE NO NOSSO CONCELHO

ATUAÇÕES EM OLEIROS - AGOSTO

Faremos um breve resumo salientando o que nos parece merecer esta referência:

1 - De uma forma geral, tivemos sempre boa e variada música.

2 - Actuações: - Quanto a Quim Barreiros, foi mais do mesmo. Achamos que o seu espetáculo tornou-se já muito repetitivo. Podia ter feito muito melhor, dada a criatividade enorme que tem e sabendo-se que todos os arraiais do país dançam ao som de conjuntos mas com músicas dele, especialmente.
Quanto ao "Projecto Amália", a nossa apreciação é a de que deu em Oleiros o melhor e mais digno espectáculo deste período. Músicos maravilhosos, vestidos a rigor, vozes quase abençoadas e um coro com várias pessoas que sabem muito bem o que fazem e com muitíssima dignidade.
Rouxinol Faduncho: O Marco Horácio esteve sempre mais presente do que o "Rouxinol".  Arrancou muitos aplausos e sorrisos. O Povo gosta destes artistas para fazer esquecer a crise momentaneamente. "Aqui em Oleiros é bom ser-se palhaço, porque o aplaudem sempre", diria. Deu muita alegria ao arraial.
Mickael Carreira: As espetativas estavam altas. Às cinco da tarde já algumas fãs suas (doutras terras) colocavam filas de toalhas a marcar lugar, mesmo à frente, ou sentavam-se nuns pequenos bancos que transportaram. De tal forma que, quando algumas mães pediram para deixarem algumas crianças passarem para a frente para verem ficaram muito ofendidas.
Mas o Mickael não dececionou ninguém. Fez um espetáculo dinâmico, com músicas bem actuais, intercalando com românticas e "sempre de braços no ar", pedia. Agradou, esteve com simplicidade, conseguiu formar empatia com quem o via e ouvia e teve de estar horas a dar autógrafos.
Quanto aos conjuntos, o nosso destaque vai para os ROCONORTE. Boa surpresa. De Monção veio quem sabia actuar para arraial. Muito boa apresentação, música diversificada, e boa "pedalada" até às tantas, com cenário muito bom.
Uma palavra para Miguel Agostinho que se sentiu como peixe na água (na terra).
A Filarmónica Oleirense, em tudo o que disse respeito, apresentou a sua altíssima qualidade e dignidade. Com mais sete jovens vindos da escola de música (preparados pelo maestro José Mateus), estiveram presentes 44 elementos no arraial e nas ruas da Vila. Aplauso!

ESPETÁCULOS DE FOGO DE ARTIFÍCIO, EM OLEIROS, DO MELHOR QUE SE VÊ NO MUNDO

Tanto o primoroso espetáculo do dia 6, frente aos Passos do Concelho, com mensagens difíceis de reter para quem não está habituado à leitura deste tipo de espetáculos. Mas há anos que a Pirotecnia Oleirense nos habituou a vermos realmente o melhor que se pode ver por esse mundo fora e, a Luso Pirotecnia (onde está incluída a pirotecnia oleirense) é um dos fortes grupos de realização destes eventos. Para mim, considero que foi absolutamente espetacular. O próprio João Paulo comentava comigo que não houve tempo para criar uma pequena peça de introdução para explicação do que se ia seguir, mas considerou que as pessoas atentas veriam facilmente que todo o espectáculo esteve radicado no fogo de várias espécies, atravessando oceanos e mundos de história.
A multidão quase se acotovelava e tivemos em Oleiros milhares de pessoas vindas de outros concelhos.
Saliento a inteligente ligação do fogo em palco com a sucessão das descargas de fogo da pirotecnia. 20 pontos é a minha classificação, sabendo que outros discordarão, naturalmente.
Quanto ao fogo na noite de Domingo/Segunda-Feira, iniciou forte este ano. Como nos outros anos, foi obrigado a lançá-lo muito baixo, relativamente ao arraial mas teve a potência suficiente para agradar e receber uma das maiores salvas de palmas das noites de Feira e Festa. Aliás, na Sexta já a multidão não lhe tinha negado estrondosa salva de palmas.
Quem tem uma pirotecnia assim em casa, obriga-se a ter espetáculos desta amplitude! Por isso, os nossos parabéns ao JP e sua grande equipa.

OLEIROS - FESTA DE SANTA MARGARIDA 2010

Este ano, a festa de Santa Margarida decorreu muito bem. É evidente que exige sempre muito trabalho de programação e de angariação de fundos através das fogaças. No arraial, todos são poucos para os bares e caixas, quando as noites estão quentes, como foi o caso. Quem nunca tenha organizado estes eventos tudo isso lhes passa despercebido (e ainda bem, porque estão ali para desfrutar). Mas o resultado foi muito bom, que é o que conta, fundamentalmente. No dizer de um elemento da Comissão deste ano, tudo decorreu muito bem, inclusive, o processo de entrega da bandeira aos elementos da próxima Comissão (concentração de todos na Devesa com desfile até ao arraial, onde se verificou uma boa descarga de fogo).
Ler mais

agosto 12, 2010

FEIRA DO PINHAL - CUMPRIU!

Dentro dos objectivos definidos e sem a possibilidade, ainda, dos responsáveis camarários poderem fazer uma leitura mais aprofundada dos resultados (alguns medem-se a médio e longo prazo), podemos afirmar que Oleiros contou neste mês com uma Feira do Pinhal (assim designada), que mobilizou muita gente, foi palco de demonstração e actuações ao vivo, de convívio, de mostra da capacidade da região, mais a nível do artesanato. Às crianças foi colocado uma Devesa recheada de insufláveis e a "lagarta" - pequeno comboio da pequenada. Em resumo, a Feira saldou-se pela positiva. Ler mais

LANÇADO EM OLEIROS O LIVRO "Vilar dos Condes - A terra e a sua gente"

Da autoria de Alda Barata Salgueiro, foi feito o lançamento deste importante livro, no auditório municipal de Oleiros, cuja apresentação esteve a cargo do professor Luís Manuel de Araújo da Faculdade de Letras da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. O sr. Presidente da Câmara presidiu ao acto e, depois de uma apresentação por quem conhecia já muito bem o livro, a autora explicou de forma pormenorizada a sua forte ligação (e família) ao Vilar, focando que, "as pessoas partem, realizam a sua vida noutras paragens, mas o sentimento da terra é muito forte e, por isso, quase sempre se volta . É preciso é lançar sementes e criar meios". O auditório estava repleto de pessoas, quer da família da autora, quer amigos e pessoas interessadas de Oleiros. Este foi um acontecimento bem ligado às celebrações do dia do Concelho.

Oleiros conseguiu 85 novos dadores de medula óssea

Desde a Câmara Municipal de Oleiros, passando  por várias Instituições, Imprensa, Blogs, Facebook todos juntos procuraram a melhor divulgação para que no passado dia 8 se realizasse, com êxito, a recolha de sangue de novos dadores para o transplante da medula óssea. De acordo com informações da própria Fernanda Mateus (mãe do Pedro), conseguiram-se 85 novos dadores. Um aplauso a todos, dinamizadores e dadores, porque foi muito importante esta afirmação de solidariedade.

agosto 04, 2010

Casa dos Escuteiros de Oleiros


No complexo desportivo e pelo lado de cima das piscinas municipais está o edifício, recentemente construído, cuja placa identificativa diz : "casa dos escuteiros de Oleiros". Umas instalações que se integram muito bem no espaço e bem no alto do complexo.

agosto 02, 2010

Cartazes bem elaborados - Oleiros

Temos vindo a estar atentos ao bom trabalho que os serviços técnicos da Câmara Municipal de Oleiros desenvolvem na concepção dos diversos cartazes que são produzidos. Com um design muito apreciável e com a preocupação de incorporar os elementos significativos e ilustrativos de cada evento, surgem sempre exemplares altamente positivos. Para esta equipa, como outras que transformaram a imagem da CMO, os meus parabéns.

De chaves não mão, Expositores montam Feira nestes três dias em Oleiros

A Feira do Pinhal arrancou na prática, hoje, com a montagem por parte dos expositores. Agora é uma corrida para que esteja tudo pronto na tarde de 4ª Feira para a inauguração oficial.

agosto 01, 2010

Incêndio, ontem, em Oleiros

Ontem, dia 31 de Julho, defragrou um incêndio na zona de Vale de Ousanda, perto das Rabaças, mas os Bombeiros Voluntários atacaram imediatamente o fogo, com êxito. Demorou pouco tempo e tudo acabou em bem, caso contrário, era fácil avançar imediatamente pelas serras fora. Parabéns aos Bombeiros!

OLEIROS MOBILIZA-SE PARA AJUDAR NO DIA 7


É muito importante que todos o que estão em condições de ser dador de MEDULA ÓSSEA (e trata-se de fazer uma pequena recolha de sangue por pessoa) ajudarão a quem, ainda há relativamente pouco tempo não tinha cientificamente possibilidade de o fazer. Sei que os Oleirenses estão mobilizados (e disso tenho conhecimento concreto), e com toda a certeza que se deslocarão ali, dia 7 de Agosto, Sábado, aos Bombeiros Voluntários,  das 10 às 13 horas e também das 13 às 17 horas. Não deixe de ajudar tantos "Pedros" que temos com necessidade deste pequeno/GRANDE gesto de pessoas saudáveis. Não deixem de ler o cartaz abaixo inserido.